NOTA DE REPÚDIO – Aos atos discriminatórios praticados contra estudantes do IFMA

Reprodução.

Reprodução.

Repudio e lamento profundamente que os estudantes do Instituto Federal do Maranhão -IFMA tenham sido vítimas de racismo e xenofobia durante uma apresentação realizada no III Encontro Nacional de Núcleo e Estudos Afro-brasileiros e Indígenas, no Instituto Federal Fluminense, no Rio de Janeiro.

Os alunos foram apresentar um projeto sobre a cultura maranhense, a nossa dança popular que é o tambor de crioula, e sofreram com o racismo e a xenofobia, sendo insultados com palavras pejorativas e discriminatórias como “macacos”, “macumbeiros”, “pretos” e “fedidos”.

Não podemos deixar de reconhecer que a maioria da população maranhense é negra, miscigenada, e nossa cultura é originária do povo africano. Somos um povo batalhador que luta pela igualdade de direitos e pela construção de um futuro melhor, por isso nos orgulhamos da nossa história.

Dessa forma, manifesto meu apoio e total solidariedade aos estudantes do IFMA, pois repudiamos a intolerância religiosa, o racismo, a falta de respeito ou qualquer ato discriminatório contra o nosso povo negro e maranhense.

Deputado Zé Inácio (PT)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *